Calceolária (Calceolaria herbeohybrida) - Sapatinho-de-Vênus

Família: Escrofulariáceas
Origem: América do Sul, Chile e Peru
Porte: Herbácea anual que atinge cerca de 30 cm de altura
Plantio: Propaga-se por meio de sementes ou estacas
Solo ideal: Rico em matéria orgânica (mistura recomendada: 1 parte de terra comum de jardim, 1 parte de terra vegetal e 2 partes de composto orgânico)
Clima: Ameno
Luminosidade: Pode ser cultivada à sombra, pois não suporta sol direto, mas é necessário que receba luz solar indireta por pelo menos 3 horas diárias.
Regas: É uma planta que gosta de água, mas não de solo encharcado. Pode ser regada, em média, 2 vezes por semana. Recomenda-se tomar bastante cuidado na hora da rega, para não molhar as flores e a base das folhas.



Indicações de cultivo: Esta planta é um híbrido obtido a partir do cruzamento de três espécies de Calceolária, nomeadamente, C. crebatiflora, C. corymbosa e C. cana, todas originárias do Chile .

Em função do formato de suas flores, esta planta herbácea anual que atinge 30 cm de altura recebeu nomes populares bem interessantes como sapatinho-de-vênus, tamanquinho e chinelinho-de-madame. Propaga-se por meio de sementes ou estacas, o solo ideal tem que ser rico em matéria orgânica.


Mistura recomendada:

1 parte de terra comum de jardim;

1 parte de terra vegetal e

2 partes de composto orgânico.

Pode ser cultivada à sombra, em clima ameno, pois não suporta sol direto, mas é necessário que receba luz solar indireta por pelo menos 3 horas diárias. É uma planta que gosta de água, mas não de solo encharcado. Pode ser regada, em média, 2 vezes por semana. Recomenda-se tomar bastante cuidado na hora da rega, para não molhar as flores e a base das folhas. É ideal para ser usada como maciço. Começa a florescer no fim do inverno e durante a primavera, é possível encontrar à venda vasinhos de calceolárias em cores que vão do amarelo-creme ao vermelho intenso ou mesclando várias cores, com manchas de diversos tamanhos. A calceolária é bem resistente à pragas e doenças, mas como é uma planta anual necessita de replantio todos os anos.



Obrigada pela sua visita. Se você tem sugestões ou dicas sobre o assunto, coloque aí nos comentários, eles podem acabar virando temas para novos posts. Aproveite e deixe seu e-mail, quem sabe poderei te ajudar?

3 comentários:

Elis disse...

Gostaria muito de ver como se faz o replantio da calceolária por estacas, pois ganhei um vaso dessa flor em setembro e agora só tem galho seco e alguns possuem ramificaçoes como se fossem braços com folhinhas verdes novas. Meu nome é Elis e já fiz várias pesquisas na internet e não encontro o que procuro. Desde já agradeço a atenção.

Elis disse...

Bom dia Sonya, postei umas dúvidas, e até agora não me responderam, não sei como funciona isso direito...mas acho que estou perdendo a minha calceolária, pois replantei a parte que ainda estava verde e ela não reagiu, estou muito frustrada pois é a 2ª vez que ganho essa flor e ela morre.
Agradeço pela atenção e espero resposta o mais rápido possível.
Abraços.

Elis disse...
Este comentário foi removido pelo autor.