Como plantar em vasos, passo a passo

Vasos que abrigam plantas podem ser utilizadas tanto dentro como fora de casa. Sua grande vantagem é a manutenção rápida, prática, além de possibilitar um número infinito de composições e arranjos. Você pode usar e abusar de tamanhos, cores, materiais e modelos diferenciados, resultando em uma composição bastante criativa e em um ambiente agradável.

Lista de Materiais Utilizados

* Terra preta para vasos em quantidade suficiente, o que varia de acordo com o porte da planta e o tamanho do vaso.
* Argila expandida (cinesita) para forrar o fundo do vaso ou se preferir, cacos de barro.
* Adubo químico e/ou orgânico ou fertilizante, se desejar.
* 1 vaso com dreno - orifício no fundo - adequado para o porte da planta.
* 1 planta resistente e que goste de vasos.

Veja algumas sugestões:

Formio
Moreia
Crássula
Bromélia
Xamedória
Pingo de Ouro
Jibóia
Hibisco roxo
Rabo de gato
Filidentros
Flor Coral
Fênix

Atenção: Evite trabalhar com a terra do seu jardim! Como ela não é tratada, pode trazer bactérias para dentro de sua casa.
Todos os materiais acima são encontrados nas principais lojas de jardinagem.

Dica:
Para um melhor acabamento e visual mas bonito, coloque pedras pequenas no vaso, depois de ter terminado o plantio.
Cubra a terra com essas pedrinhas até 2 ou 3 centímetros abaixo da borda do vaso. podem ser seixos de rio, pedrinhas brancas, etc... Com certeza, ele ficará bem bonito!
1 - Escolha o vaso certo para a planta certa.
Escolha sempre as plantas mais resistentes, principalmente se forem colocadas dentro de casa. Preste atenção ao tipo de planta que vai escolher; algums precisam de muito sol, outros não. Quanto aos vasos, a regra básica para não errar na hora de escolher o vaso ideal para a sua planta é levar em consideração as suas dimensões. É essencial que o tamanho do vaso seja compatível com o tamanho da planta. Isto quer dizer que é preciso prever, também, o porte que a planta atinge quando adulta.

Independentemente do modelo , é preciso acomodar a planta de tal forma que haja espaço e quantidade de terra suficientes para o seu crescimento e desenvolvimento. Plantas de médio porte, por exemplo, têm por volta de 1,50m de altura. Para elas, o aconselhável são vasos com altura mínima de 50 cm.

A largura do vaso também é importante: deve haver terra o suficiente ao redor do caule da planta.
Outro detalhe muito importante: é preciso que o vaso tenha um dreno no fundo - um pequeno orifício por onde a água escorre.

2 - Coloque o vaso em local adequado para a planta.
Como cada planta requer cuidados específicos, ela deve estar sempre em locais adequados para o seu desenvolvimento. Isso significa às condições de quantidade diária de sol, por exemplo. Existem plantas que vão melhor ao sol, outras vão melhor à sombra.

Certifique-se que o local onde pretende colocar o vaso atenda à essas condições. Evite correntes de ar e assegure-se de colocar o vaso sempre em locais iluminados, um quesito básico para qualquer planta. Se estiverem dentro de casa, prefira colocá-los perto de janelas, mas protegidos de correntes de ar. Se você escolheu um vaso grande, coloque-o no local que escolheu - ele se tornará excessivamente pesado, quando estiver já com a terra e a planta e será muito difícil transportá-lo para outro lugar.

Cuidado com aquecedores: eles roubam a umidade da planta, pois ressecam o ar. O correto é mantê-las longe de ar-condicionado ou aquecedores. De qualquer forma, será preciso aumentar a sua rega, para garantir a umidade.

Se a planta é de pequeno porte, e consequentemente, o vaso de tamanho menor, você pode mudá-lo de lugar sempre que quiser. Isso pode, também, ser uma opção para quem tem tempo: a planta pode ser colocada todos os dias para tomar sol, na quantidade que precisa, e depois voltar para seu local original.

3 - Verifique o estado da aplanta.
Quando você compra uma planta, geralmente sus raízes vêm envoltas por terra endurecida e estopa. Isso é o que chamamos de torrão. A estopa não precisa ser remmovida, porque com o tempo, se decompõe na terra e torna-se adubo. No entanto, se estiver envolta em saco plástico, é preciso removê-lo. Se quiser misturar plantas, certifique-se antes que nenhuma está doente. Verifique, ainda se todas têm a mesma necessidade de luz, água e temperatura.

4 - Plantio
Coloque no fundo do vaso uma camada de argila expandida (cinisita), que serve para facilitar escoamento da água e previne contra entupimento no dreno. Isso feito, coloque uma camada de terra preta e depois coloque a planta com cuidado para não machucar suas raízes. É importante colocar a terra até um nível em que o torrão, quando colocado no vaso, fique muito próximo do limite do vaso.

Em seguida, coloque camadas de terra até que esteja em quantidade suficiente. Conforme for despejando a terra, vá assentando-a com a palma da mão, de cima para baixo, suavemente. Se preferir, o ideal é jogar um palmo de adubo sobre a terra. Isso ajuda muito na adaptação da planta e no seu desenvolvimento. Evite, no entanto, o contato de adubo químico com o torrão, pois isso queima-o. Ou então, coloque fertilizante.

5 - Cuidados na manutenção.
Plantas em vasos geralmente requerem mais cuidados, principalmente se estão dentro de casa. A primeira dica é colocar um prato embaixo do vaso (muitas vezes são vendidos junto com o próprio vaso). Isso facilita na hora da rega - se, por acaso, a água escoar pelo fundo do vaso, não vai sujar o seu piso.
Evite folhas em contato com a água, pois facilita a proliferação de microorganismos. Siga corretamente a manuntenção indicada para a sua planta. Lembre-se, ainda, de fazer limpeza periódica, removendo poeira e sujeira das folhas e cortando aquelas que estiverem em más condições. A adubação também é importante e não deve ser esquecida.

Obrigada pela sua visita. Se você tem sugestões ou dicas sobre o assunto, coloque aí nos comentários, eles podem acabar virando temas para novos posts. Aproveite e deixe seu e-mail, quem sabe poderei te ajudar?

4 comentários:

Criska disse...

Obrigada pelas dicas, percebo que eu estava fazendo algumas coisas erradas ao plantar em vasos. O post me ajudou muito. Bjs

Leonardo disse...

Add, desejo algumas dicas!
preciso para amanha sábado
Muito Obrigado pelas dicas
são ótimas!

Add Msn

leleocapao@hotmail.com

Anônimo disse...

Obrigado adorei este site eu adoro plantar e este site me deixou com muito mais informações sobre plantio,e ai vai uma dica:é bom cuidar que planta vai pegar porque dependento da planta fica muito grande ou na visao de alguns vira mato irritando quem a plantou.Valeu pelas dicas e informações.

Jaque disse...

Obrigada pela ajuda, decidi fazer o cultivo e estou pesquisando.