Bela de Noite (Mirabilis jalapa )

Nome científico: Mirabilis jalapa

Nome comum: Bela de Noite

Nomes populares: Bonina, Boas-Noites, Bela de Noite, Boa-Morte, Beijos-de-Frade.

Família: Nyctaginaceae

Origem: América do Sul (México, Perú).

Habitat: Zonas cultivadas, jardins.

Descrição: Planta herbácea, vivaz, tuberosa, a Bela de Noite é também cultivada como anual. Com porte erecto e arbustivo que pode atingir alturas de 60 a 120 cm. Possui caules muito ramificados, com folhas de cor verde médio a verde escuro, opostas, ovais-lanceoladas até 7,5 cm de comprimento, cordiformes, com nervuras bem marcadas e de cor mais clara e margens um pouco onduladas. As flores de Bela de Noite são aromáticas, em forma de trompeta, tubulares na base, com 5 lóbulos, verticiladas, de várias cores, desde o branco, rosa, amarelo, vermelho, salmão, uni, bi ou tri-colores. As flores abrem ao final da tarde permanecendo abertas durante a noite, voltando a fechar logo pela manhã.

Sementeira: Semear no local definitivo entre Abril/Maio, ou no interior a 21-24Cº entre Fevereiro/Abril. Para facilitar a germinação, colocar as sementes no frigorífico durante uma semana antes de as semear.

Transplantação: Quando opurtuno com um espaçamento de 38-45 cm.

Crescimento: Rápido

Exposição: Sol ou meia sombra, em local abrigado dos ventos.

Solos: Profundos, bem drenados, húmidos a secos, muito permeáveis.

Floração: Verão

Temperatura: Clima temperado a temperado-quente, tropicais.

Rega: Quando solo estiver seco.

Adubação: Regular, com adubo para plantas de flor.

Poda: Não é necessário cortar as flores velhas.

Pragas e doenças: Afídeos, Mosca Branca, Ferrugem.

Multiplicação: Semente ou divisão de tubérculos.

Utilização: Canteiros, bordaduras, vasos, muretes.

Partes utilizadas em Aplicações medicinais: Folhas, sementes, flores.

Propriedades e utilizações: Purgativas, diuréticas, anti-inflamatórias das vias urinárias, no tratamento de febres. Utilizada em farmácias tradicionais da América do Sul e Ásia pelas suas propriedades afrodisíacas. No Nepal as suas folhas são utilizadas ou consumidas em cataplasmas para tratar abcessos. As sementes são usadas na cosmética para o tratamento de problemas de pele e as flores são usadas como corante alimentar.



Caso tenha alguma dúvida comente e deixe seu e-mail para contato. Obrigada.

Um comentário:

joserivaldodossantos disse...

poter se fazer cha das folhas